Manutenção preventiva como fator decisivo para a redução do número de acidentes

Um dos problemas que afetam diretamente o motorista e indiretamente toda a empresa do setor logístico são os acidentes de trânsito envolvendo os caminhões. Este tipo de situação acarreta em gastos e atraso nas entregas para as empresas, e em tantas vezes em afastamento do motorista por um período de tempo para recuperação e até um fim mais grave e triste.

Por causa disto, a redução do número de acidentes envolvendo caminhões seria decisiva para a sustentabilidade econômica das transportadoras e a valorização do transporte rodoviário de cargas.

Um levantamento feito pela Volvo com as principais seguradoras do mercado aponta que o custo médio com um caminhão pesado ou semipesado é de R$ 150 mil em prejuízos materiais. Além disso, o tempo médio que o veículo fica parado para conserto é de 43 dias. O levantamento aponta ainda que 13% dos acidentes possuem danos corporais e 7% vítimas fatais.

Existem fatores de responsabilidade da empresa que podem ser observados, que acarretam estes acidentes que podem ser evitados reduzindo o número destes nas estradas.

Manutenção dos veículos

Um grande fator que põe em risco os motoristas e possibilita causas de acidentes, são veículos que não estão com todas as peças e partes em perfeito funcionamento. Pneus carecas, peças do motor que precisam ser trocadas entre outros, podem ser fundamentais para que a viajem realizada pelo motorista se transforme em uma tragédia. Por isso, é extremamente importante realizar a manutenção preventiva dos caminhões regularmente, para que qualquer problema que vier a aparecer, seja notado antes de este veículo ir para a estrada, potencializando risco para o motorista e para os outros veículos que estão nas rodovias.

Treinamento dos Motoristas

Outra medida importante é a aplicação de investimento em treinamento dos motoristas com foco no comportamento e em boas práticas, para que assumam um papel de gerenciadores de riscos nas estradas. Muitas vezes, os vícios e hábitos adquiridos durante a profissão podem desviar do comportamento esperado pela empresa. Por isso, a empresa pode treinar os motoristas para que assumam uma direção defensiva, não dirigir com sono, embriagados, tomar cuidado com ultrapassagens, trechos com maior movimentação e perigosos, entre outros assuntos. Esta medida, além de contribuir para a redução do número de acidentes, é uma ferramenta importante de valorização da profissão e dos colaboradores.

Tecnologia

Além da atenção voltada para as máquinas e seus motoristas, para reduzir o número de acidentes as empresas precisam ter maior controle sobre suas frotas por meio de uma gestão de transporte eficaz, contando com o apoio da tecnologia para isso. Com informações ágeis, precisas e  confiáveis que permitam maior poder na tomada de decisões que envolvam a sua frota. Desta forma, o operador logístico teria maior controle para saber qual é o momento certo para a realização da manutenção preventiva dos caminhões, reduzindo assim o número de acidentes.

A Strada Soluções em Tecnologia, oferece às empresas de transporte o TMS Strada, uma solução inovadora, que realiza controle de manutenção e frota, permitindo que a empresa programe rotinas de manutenção preventiva, por exemplo, o que viabiliza a redução de custos com manutenção e diminua o número de manutenções corretivas e o risco de acidentes.

bannerverde

2015-10-08T19:13:28+00:0008/10/2015 às 19:13|Notícias|