Sua dúvida é sobre Inventário Periódico e Inventário Permanente? Neste conteúdo iremos explicar como isto funciona.

Inventário Periódico

Na contabilidade o inventário é basicamente uma lista de bens e materiais disponíveis em estoque que estão armazenados na empresa. Já o levantamento dos Custos das Mercadorias Vendidas (CMV) acontece por meio de dois (2) sistemas como:

  • Inventário Permanente

O inventário funciona por um controle de estoque de forma individualizada e imediata. Geralmente este registro é feito por um sistema eletrônico de dados, ou seja, neste sistema é possível a obtenção do custo da mercadoria vendida (CMV) a qualquer instante.

  • Inventário Periódico

Pelo sistema periódico, as vendas não são controladas de modo imediato no estoque, isto é, a contagem do custo da mercadoria vendida (CMV) acontece apenas no final de cada período.

Como pode ser utilizado?

Cada sistema possui suas características individuais, ou seja, as duas opções cabe ao usuário decidir qual é a melhor ferramenta para o controle e análise do seu estoque na sua empresa.

Inventário Periódico

Um exemplo, nas operações do Inventário Periódico é que temos a contabilização do procedimento de bens através da conta de produtos compostos até o final de cada ciclo definido por ano. De certo modo, a opção que os produtos são medidos e numerados, sendo avaliado de acordo com a data fechamento do balanço patrimonial.

Sendo assim,  é permitido ter acesso a diferentes dados, como o acompanhamento dos resultados de mercado, ou seja, o balanço dos custo final e do custo dos produtos vendidos. Esta preferência é mais popular em empresas de pequeno e médio porte.

Inventário Permanente

Já para o Inventário Permanente, é possível acompanhar todo o estoque de uma só vez, com um software, por exemplo, fazendo um upgrade com a transição do financeiro, tendo controle de chegada e saída para mercadorias com quantidade de dados e valores.

Mesmo assim, é importante lembrar que mesmo no inventário permanente na atualização de dados na entrada e saída é possível ter falhas diante ao processo, ou seja, por conta de incidentes ou até mesmo falta de conhecimento de pessoas ao utilizar o sistema.

Sendo assim, é recomendado alinhar o sistema do inventário permanente junto ao inventário rotativo. O inventário rotativo é o processo de recontagem física e contínua de todo estoque, é necessário que essa contagem tenha uma cadência pré-determinada, por exemplo, diário, semanal ou mensal de forma organizada em ciclos de acordo com a demanda dos produtos de um negócio ou até mesmo de um setor de produtos pré-determinados.

Concluindo

Para  melhores resultados no seu negócio, é necessário saber a quantidade de materiais que estão no estoque e, não só isto, também é importante seguir as obrigações tributárias que o governo exige um levantamento de todo seu estoque.

Após ser feito análise dos sistemas, cabe ao responsável decidir qual a melhor forma para controlar o seu estoque das condições da empresa e o potencial ao investimento do seu negócio.

Caso você tenha algum interesse sobre o que é um Inventário Rotativo saiba agora mesmo!

Inventário Rotativo

Fonte: Desafios da Logística