Todos os anos as empresas buscam diminuir os custos logísticos de transporte, e estimam eliminar desperdícios em filas, calcular as expectativas de quanto será o tempo de espera, se haverá congestionamentos e como será a situação dos portos nas épocas de maiores movimentações.

custos logísticos

Desta forma, mais uma vez, o agendamento de cargas pode surgir como uma solução eficaz e efetiva para tornar estes processos mais rápidos e menos custosos.

As empresas que trabalham com transporte ou dependem de um setor logístico encontram no transbordo, processo de transferência de mercadorias de um meio de transporte para outro, diversos transtornos caso não possuam uma gestão efetiva.

Os atrasos, para empresas que não utilizam algum mecanismo de controle dessas operações, são os custos logísticos inconvenientes mais frequentes.

E, os fatores que ocasionam na formação de filas podem ser:

Períodos de maior movimentação das Docas

Olhando para a logística, por um fator cultural ou por políticas comerciais que visam o cumprimento de metas, sempre nos períodos iniciais de cada mês e nas proximidades do seu encerramento nos deparáramos com uma maior movimentação nas docas.

Este fator aparece como um empecilho para muitas empresas, pois acaba gerando filas, congestionamento, horas extras, atrasos e um certo descontentamento geral.

Este fato ocorre por, principalmente, estas empresas não apresentarem um sistema de agendamento de horários que não seja burocrático e ofereça melhoria nos processos de recepção e expedição de mercadorias.

Incidentes Naturais

Existem outros fatores que não estão no controle dos operadores logísticos. Esses incidentes dependem, unicamente, da natureza, são as chuvas e tempestades.

Estes fatores podem ocasionar filas, congestionamentos e trazem riscos de acúmulo em um determinado período devido o maior volume de operações nas doca.

Estas situações podem se apresentar, muitas vezes, como elementos “não-controláveis“, mas, não significa que seus impactos não possam ser, no mínimo, amenizados.

Falta de organização no processo de cargas

E, mais um fator que pode ocasionar na formação de filas de caminhões na frente da empresa ou do terminal portuário, causando riscos à segurança do transportador e pode gerar multas para a empresa, é a falta de organização no processo de cargas. Este motivo pode levar o  transportador a esperar mais do que deveria para embarcar mercadorias, além de ocasionar na possível sobrecarga em períodos de safra, com caminhões que chegam sem aviso ao destino e simultâneamente para descarregar, gerando filas e longas esperas.

E qual seria a melhor forma para solucionar estes problemas de custos logísticos e até eliminá-los?

Em uma empresa, desde a chegada de uma mercadoria até o seu embarque para o devido destino, muito é realizado e o envolvimento é de praticamente todos os setores da mesma.

Olhando para esta situação, podemos concluir que, eliminar impactos em toda a estrutura de comunicação, logística e produtividade do ciclo, é algo de extrema importância.

custos logísticos

O ideal, para que uma empresa possa ter uma gestão eficiente de logística externa, é ter controle sobre o fluxo de recebimento de veículos, com a visão de quais veículos chegarão e quando eles estarão disponíveis para realizar o transbordo.

Pensando nisso, desenvolvemos o Carga Pontual, um software que permite o agendamento prévio de cargas e descargas evitando filas, concentração de veículos no pátio ou planta das empresas.

Gostou? Veja agora mesmo uma história de sucesso com nosso cliente Bunge, por meio do agendamento prévio de horários melhorou a comunicação dos setores internos e externos.

Bunge – História de Sucesso

Gostou do conteúdo? Oferecemos um conteúdo rico sobre Controle de Estadia: Planilha Gratuita para Gerenciar sua planta!

Controle de Estadia