Quando incide custos com estadia sobre o frete?

Os custos com estadias de acordo com o Art. 11 da lei 11.442/07, modificada pela lei 13.103/15 de carga e descarga regula que o prazo máximo para carga e descarga do Veículo de Transporte Rodoviário de Cargas será de 5 (cinco) horas, contadas da chegada do veículo ao endereço de destino.

Após o período, o responsável (contratante) que solicitou o frete do veículo tem como obrigação pagar o valor de R$1,38 (um real e trinta e oito centavos) por tonelada/hora ou fração para o motorista.

custos com estadias

Sendo assim, a fórmula geral é:

Valor Estadia = N horas x Toneladas x R$ 1,38

É importante lembrar o número de horas contado desde a chegada do veículo até o descarregamento, ou seja, quando incide estadia este valor é, no mínimo, igual a 5 (cinco) horas.

Por exemplo:

custos com estadias

Sendo assim, quanto mais horas o veículo permanecer e esperar para descarregar a carga o valor da estadia também sofrerá acréscimo.

Como resolver custos com estadias de fretes?

Existem várias formas de minimizar os custos com estadias de fretes, cada uma aplicável a determinados tipos de situação. Abordaremos abaixo 3 soluções comuns à maioria das empresas:

Adquirir e utilizar frota própria para o transporte

Utilizada por diversas empresas, esta estratégia requer conhecimento prévio em gestão de transportes, dinheiro para aquisição dos veículos, equipe preparada para o controle da operação e motoristas. Basicamente, se refere à montar uma transportadora para uso exclusivo da empresa.

Se, por um lado, os custos com estadias são eliminados, passam a incidir outros custos como manutenção de veículos, horas extras de motoristas, depreciação dos veículos, seguros, salários, abastecimentos e todos os demais inerentes à atividade de transportes.

É uma solução possível, porém nem sempre viável. Gerenciar as atividades de transporte de forma adequada para atender às demandas internas sem ociosidade dos veículos e motoristas, sem desperdícios e com segurança requer experiência e conhecimento da equipe envolvida assim como ferramentas e procedimentos adequados.

  1. Terceirizar a gestão da operação de logística

    Outra maneira de minimizar ou resolver o problema de estadias é recorrer à terceirização da operação de logística, ou seja, contratar uma empresa que gerencie os horários dos veículos que irão transportar as mercadorias da sua empresa.

    Esta é uma boa estratégia para empresas que não são de logística e que tem como objetivo focar na atividade principal do negócio. Por outro lado, é preciso escolher adequadamente os fornecedores a fim de garantir a qualidade dos serviços prestados e identificar se esta realmente é a melhor opção para o seu negócio.

Implementar a Logística Integrada

A logística integrada é um sistema que estimula ligação de processos em várias áreas que fazem parte da empresa, incluindo os processos de fornecimento de matérias-primas, insumos até distribuição do produto ampliando a visão sobre os processos produtivos, como objetivo a satisfação do consumidor.

Na prática, uma das formas de colocar a logística integrada em funcionamento para resolver os problemas de estadia é, juntamente com os demais setores produtivos da empresa, estabelecer um cronograma (agenda) de horários disponíveis dentro da capacidade máxima da empresa para recepção dos materiais. O objetivo deste cronograma é organizar os descarregamentos dentro da agenda pré-estabelecida, evitando a chegada de caminhões em horários não-planejados, problemas com filas, esperas e consequentemente estadias de frete.

Gostou do conteúdo? Então siga nossa página no Linkedin e fique por dentro de todas as nossas novidades!

Linkedin